7 de março de 2009

tururuuuuuuuu

O Majalhões tem prugramas que têem ums erruz urtugráfcos.
Um purgama que foe tradzidu pur um inmigranti françêz com a cuarta clace.

What's the big deal?!?!?!


O sócrates já foi finocchio, já foi pinocchio e agora é o melhor amigo de um tal de Magalhães que não sabe escrever.


What's the big deal?!?!?!


Pah, deixem o sócrates trabalhar!!!
Ou deixem-no enterrar-se nos terrenos lamacentos do fripór!
Mas deixem-no...

5 comentários:

Maldonado disse...

Quanda a esmola é demais, o santo desconfia...
Logo vi que o Magas era demasiado bom para ser verdade...

Van disse...

LOOOOOOOOOOOOOOOOOOL,por momentos pensei que ias colocar o manan manan dos marretas ahahahah.

O pa, u qi sãu ums erruzinhus òtugaficuz parra a maleta? Axas qe algen vai reparrarre nelez?

Mais valia terem encomendado o serviço a um puto ou pita, e ficava tudo em pitês:

u ke sãu 1s errus ortográficus d nada???

Móss déb... :D

afectado disse...

O pior é que não era um ou outro... eram alguns e graves!

A desculpa? Brilhante. Um emigrante francês que não está cá desde os 10 anos e que só tem a 4ª classe. Quem é que no seu perfeito juízo dá a tradução a uma pessoa com este "CV"?

Biba purtogau.

de Marte disse...

Pois...
não há grande coisa a fazer.

Mais do que chocante o facto de haver um senhor que traduz aquilo mal, é haver revisores, tradutores, especialistas de tudo e mais alguma coisa, mais os próprios assessores, o PM e até a Min.ª Educação a "testarem" o Majalhões e ninguém ter dado conta.

Pior ainda é dar-se conta e isso servir de notícia. Não sei quanto a vocês, mas deparo-me muitas vezes com livros (inclusive na faculdade) com calinadas péssimas, erros gravissímos e traduções medonhas.

Exemplo:
- Let's make a toast.

Tradução:
- Vamos fazer uma torrada.


:P
brilhante!!!

martini disse...

deixem o sócrates trabalhar! deixem jogar o mantorras!