24 de março de 2009

kalinka

Enquanto se prepara o jantar, ponho o dvd do Andre Rieu a bombar...



Ligo as colunas do som ambiente ao dvd e pela casa toda só se ouve Rieu.

O refrão é fácil, mas como esta versão não é cantada, canto eu! Canta comigo:

Kalinka, kalinka, kalinka moya!
V sadu yagoda malinka, malinka moya!

4 comentários:

Vani disse...

tenho de ouvir isso com os fones postos (não sei onde os meti) que o som das colunas do portátil é uma miséria....

Maldonado disse...

Boa malha! Também gosto do A. Rieu. :D
És uma alienígena com bom gosto, sim sra... ;)

de Marte disse...

Vani,
a Kalinka é uma musiquinha porreira para ouvir a qualquer hora mas, mais que isso, para cantarolar em qualquer altura, por isso encontra lá os fones ou da-lhe com as colunas. O importante é ouvir e deixar que entre na cabeça. O tico e o teco fazem o resto... karaoke! :)

kisses

de Marte disse...

Maldonado,
não te surpreendas.
Sou uma alienígena ecléctica. :)